10/07/10

as bocas que o silêncio move

Quem caminha sozinho
aprende a língua impronunciável
pacto
entre o eu e suas variantes
inúmeras
, as bocas que o silêncio move.